Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

última vida


Quantas vidas já existiram
um primeiro suspiro
o último olhar
o primeiro colo
o último abraço,
o primeiro amor
o ultimo beijo

Quantas já viveram tudo isso;
o primeiro passo
o último risco
a primeira facada
o último rancor
a primeira solidão
a última esperança

Quantas lamentam não viver
os primeiros momentos marcantes
os últimos momentos felizes
a primeira música
a última sonata
o primeiro romance
a última paixão

até que a morte nos separe
até que a vida nos una,
até que as brigas nos distancie
até que o perdão,
há o perdão...

A vida,que grande presente é esse
que tantos já receberam
misterioso e diferente
a cada um,
uns eternos,outros em segundos
usufruíram o primeiro suspiro
o último olhar,
No tempo e espaço.

Sem sentido então?
Não,depois de tantos erros
e vitórias
não mais choram
apenas aprendem a viver
até o último dos últimos
como este que escrevo;
vida após vida
só mais uma vida.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Sempre

o tempo vai mostrar
como foi bom sorrir
mas como foi ótimo também chorar

e quando eu esquecer
quando estiver perdida no espaço
tudo me fará lembrar
do amor que unia este laço

e mesmo que o tempo mude
e que o amor não esteja mais tão profundo
lembremos que o passado exigiu garra e atitude
para abrir as portas para o mundo

e mesmo que não adiante em nada se lamentar
e que o castelo ameace a desabar
vou guardá-los para sempre
serei a delatora de nossos dramas e contos de fada

Dedico aos meus amigos e digo que vou sentir muita saudade dos momentos que passamos.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Lembranças

O amor sincero daquele momento
de boemia festa colorida
puro,feliz
feliz o amor;

sem preocupação de alheios,
sendo o que somos,
verdadeiros,sem anseios
Crianças brincando de amar ;

correndo sem pensar
gritando para todos:
estou aqui!Me abracem,
me chameguem,
me erga até o forro
me torne o seu conforto,

que não terá fim naquele instante
e eterno nas lembranças
de quem soube viver.

a quem plante o que ira colher
se sua vida esta uma merda é culpa sua
não plante merda

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Em todas as coisas humanas, quando se examinam de perto, demonstra-se que não se pode afastar os obstáculos sem que deles surjam outros.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Quase queimando

Sentir o calor violento
a sensação que traz a lembrança
ocultamente subindo por dentro
do teu corpo quente colando no meu
sem limite ao desejo,
ofegante ar embaçado
levando ao apogeu
E o suor, a respirar fundo
Desejando nunca parar
arfando com prazer,
querendo acariciar tuas curvas
e acariciar teu corpo
com as mãos firmes seguindo
o teu desejo percorrendo
teu já pseudo-cadáver
Que loucura! Mas eu quero agora
sugar o que tens pelando dentro de ti
Sem pudor, te beijar na falta de luz
Que fantasia ardente
sensual, demente
Faz-me fechar os olhos e morrer deste mundo
que já não me interessava mais
faz um bom tempo
Faça-me consumir da droga que tu és pra mim
me transforme em brasa
e faça de mim sair faísca

sábado, 30 de outubro de 2010

Rosa de saron:Mais que um mero Poema
Deitado na areia


Na praia deserta,
em um dia de inverno
já desce a lua incerta
e sobre o vento em minha alma
uma paz me abraça
uma brisa me acalma
como que,se Deus estivesse a me observar
e deito na areia para o ceu olhar
gaivotas a caminho
e não penso em mais nada
só o barulho do mar
medito em prazer
sou rio sozinho
vivo a vida como se não há de acabar.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Parte de mim




E que traços,
seus laços brilham e refletem seu sabor
te ergueria em meus braços
te olharia e chamaria de meu amor.
saindo não estou sozinho
pois estas ao meu lado.
Diante de tanto rancor,eu não fico calado,
não sou pequenino
e você me escuta meu amor...
Canto contigo,
brinco contigo
e choro contigo
faço contigo,
o que comigo nunca fizeram...meu amor
serás minha metade?
não sei em que tarde
mas linda você a fez
tenho sorte e este olho que arde
não sabe,o que dizer...meu amor.
Só queria você aqui,
e nós assim... no ouvido de um,
meu amor...









































quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Quem inventou o amor...me explica por favor.


O amor Não é uma flor roxa...
é o sentimento mais lindo
que um homem pode senti,
que nasce no coração de um escolhido.

Tem a maior dor!
o pior e o mais doloroso choro.
a dor,a dor, adeus.
como um bebe sozinho;
de noite viajando na estrada
sem você
depois de tantos dias
o amor tem a maior felicidade
mas tem seu começo e fim

é lindo esse amor
mais doi e aperta só de lembrar
escorrendo as lágrimas
de um verdadeiro amor
e de um adeus
para nunca mais
e para um mundo sem você
lembro desse amor
quando deu o ultimo abraço
quando deu o ultimo sorriso
o primeiro beijo
um carinho mais que uma ganância
e um adeus para nunca mais voltar
após o não
que tristeza esse amor
que parte da vida que nos pede
a melhor
a mais dolorosa perda de amor.

Mas seremos assim
como tantos outros
amores que acabam
que vivem os maiores
e os melhores são aqueles
nunca assim esquecidos
pois foram os sinceros...
o verdadeiro amor.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

De Brian Weiss:

o passado serve para aprendermos com ele;
o futuro é objeto de planejamento.
É no presente em que vivemos.
Pergunta:você vive no presente?
comente...

terça-feira, 21 de setembro de 2010

o meu, o nosso....


garota
mais que prendada
piada que nada.
Caraca, que linda!!
carioquinha malvada.
as palavvras mais doce,
são ditas por você.
E eu acredito.
eu faço disto
parte de um romance.
Com a melhor música
e você pensa a todo instante,
que sou só seu,
que eu, o meu,
quero te encontrar
e que o nosso...
seja o mais lindo filme.
um filme de poemas.
Você canta e me encanta,
acordando cantando.
para a vida e para mim.
seu amor inesquecível
penso em ti,amo-ti
garota.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Despedida


E te ver pela ultima vez
sumindo diante os vidros
como um fantasma
e sua alma perdida.

Passarão dias tortuosos
sendo como a morte de um amor
em um sorriso triste
ao me ver de costas
você some aos poucos...

Somos loucos!!tempo louco.
cheio de caminhos
neste dia nublado
que não passa.

sábado, 4 de setembro de 2010

Amor impossível


Traços inocentes,
olhos indecentes
o que vejo é que nada vejo,
te olhar não me faz te amar.
Tenho amores e excitações,
entre dois seres perfeitos
que me cegam o coração.
Sinto suas palavras
e não sinto seu corpo.
mais em troca
tenho o meu êxtase.
Não poder te abraçar
e sentir o seu calor
perder todo seu carinho,
ficar mais uma vez sozinho;
e jogado ,e calado,
para o mundo
e para a música mais temerosa;
De amor!!
um amor maior que já senti.
Só queria ter você
Só pra mim e nada mais.
E te perder
quando nunca te tive.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

sábado, 14 de agosto de 2010


Ordinários humanos

Onde estão as crianças,
donas dos brinquedos jogados nas ruas?
Só porque não sentem falta dos bons e educados hábitos
que não estejam faltando à humanidade.
O mundo está morrendo
e quem dera fosse de amor!
A gente chega nessa fase alada
e começa a entender o arrogante,
o que uma criança tem pureza o suficiente
pra tornar desprezível.
E o mais admirável,
ainda consegue ser um humano!
Quem dera todos fossemos eternas crianças
com ainda amor dentro de nós.
A vida se tornou mais do que
o hoje numa caixa
prestes a desembrulhar o presente.
Hipóteses a serem reveladas,
projetos a serem cumpridos,
é preciso coragem para enfrentar
e é preciso iniciativa para torná-lo melhor.
O mundo quem faz -no momento- são os humanos ordinários
que vivem por aí tornando o mal
proveniente do bem,
enquanto mínima parcela da população
que se julga magnífica e exemplar,
coloca culpa nos ordinários humanos.

Criamos o fogo
e não soubemos mais apagá-lo
Temos o cérebro altamente desenvolvido
e não sabemos desenvolver o pensamento pelo melhor
Somos apiteis a natureza
e não sabemos cuidá-la
Somos primatas superiores
e nos tornamos cada vez mais animais.
Humanos,
entenda como quiser
só não os peça para adquirir algum sentido.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Mal amada


Perspicaz,insolente,
que santa e nem nada!
É só sonho pra ti.
É só miragem de deserto
que no manancial tu exalta
e clama pra si.
Ó que tristeza,ó que solidão;
porque tu merece
do que tu faz,recebe
Tantos e tantos carinhos
de socos e beijos azedo.
Se não fosses idiota
serias mais feliz
e juntas choram melancias
e açoitam seu macho
mas quando o melhor tu tens
agradas não com ele,
e sim com ninguém.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Não,entendo bronhas


Preferes um inteligente
ou gosta dos grandes?
Só queres o status
ora sois mais para os Nerd;
não decide sua louca!

Seremos atores
Para conquista-las
Seremos homens,mulheres,
piadistas psicólogos,
falaremos da arte,
de moda e amor.

De momentos de afeto
e bravura para mostrar segurança;
e com o desprezo
trazer a saudade e o ser carente.
Tem lá sua virtudes
mas quanto mais,mais negligência.

Suas mentes são como biscoito da sorte...
ora pois não sei o que virá.
E quando eu digo eu te amo
Tenho dúvida da resposta,
será uma facada no pé,
ou um abraço no coração?

sábado, 7 de agosto de 2010

Trata-se de futilidade

Dizem por aí o que não se escuta daqui
falam por aí o que não se dá importância aqui
Deram apelidos aos fracos
e insultam os oprimidos...
esqueceram que são opacos
perto de tanta significância.
Fazem vista grossa aos próprios defeitos
mas encaminham palavras a boca com extravagância.
Coitados! Mal sabem eles o que os outros monstros
os julgam só pelo fato de respirarem.
Pelo mau senso se passa a desencadear
a solitária fraqueza de não garantir
o que até então pensam que são.
E é só os vizinhos mudarem de opinião
que tudo se torna absolutamente novo e verdadeiro
procuram o recente, o rebuço da própria idéia
a freguesia vem junto ao peixe
e todo palhaço tem platéia.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Um Romance


Faça nosso relacionamento simples.
Quando duas almas são diferentes,
Basta que o corpo se entenda
e junte-se a mim em teu abraço
Faz teu calor ser meu.
O tempo,é questão de princípios
cheio de surpresas,mas a vida é unica
Então entenda-me quando eu digo
temos que aproveitar ao máximo.
Os Romances...(Romances eternos)
para a alma e calorosos para o corpo
Unidos pelo prazer e pelo destino.

Junte tudo, jogue fora e recomece

Não culpe seu coração por todo amor perdido,
não o chame de idiota,
ele faz parte de você.
O auxilie, o ajude a amar quem verdadeiramente merece seu amor.
O deixe limpo, cuide, tire os curativos
não o culpe pelo que você não fez
ou pelo que fez demais em vão
O ensine a ser feliz
Se preciso, esqueça o resto
jogue para o alto
mas não o prive,
o encha de amor novamente
Ame seu coração antes de amar alguém
Junte os cacos e o reconstrua
nesse quebra cabeça
peça é o que não falta
O coração só pára de bater
quando você pára de viver.

terça-feira, 20 de julho de 2010

Sorria




Que dia estupendo,
estupiendo;estupião
de caras engraçadas,
gritos acanhados de caráter muito louco.
Cheio de felizes,
filetes do Sol que o frio não para.
Roda roda vira,
cantam aqui
e dançam e riem
como num outro mundo.
Do nada, de mim,
até de ti que imaginam,
que piada é a vida
cai e morri de rir.
Me machuquei e tirei sarro
você ri,olhei pra ti e ri também.
Da orelha até a nuca
até que o mundo se acabe sorri,
sorrindo, morrendo de ri.

sábado, 17 de julho de 2010

Sou o que não era pra ser

Sou o ovo mexido
que toda galinha adoraria provar
Sou o leite azedo
que toda vaca deseja experimentar
Eu sou o remix
do que era pra dar numa pessoa normal
Sou o aborto da decência
quando o assunto é bem e mal
Sou o fora de alcance
quando se trata do convencional
Sou o coração partido
de quem daria a vida por alguém especial
Sou made in cama dos pais
Sou pouco, sou muito, sou mais
Sou o exemplo
do que não se deve fazer pra se casar
ou do que deve pra ser feliz
Sou a criança que não cansa de aprontar
e no peito, coleciono cicatriz
Posso ser a metade da laranja, a tampa da frigideira
ou o pé de meia
Sou a felicidade ou a raiva
pra quem me rodeia
Uso a realidade e manipulo a sinceridade
apenas quando quero
por isso não me desespero
todo mundo ouve quando eu berro

terça-feira, 13 de julho de 2010

Todo Poderoso


Dormiremos juntos até o julgamento.
Sonhavas com a salvação?
então esperneias e choras
com o ardor dos chicotes;

E tenhais medo!
pois sentirá a dor da queimadura
e a loucura da depressão.
Reclamas agora,mas é pouco
o mal aumentará

Então grite o mais forte grito de dor
pois passará a eternidade em arrependimento.
Teu caminho é o meu caminho,
mas não é o dele,o Todo Poderoso.

Se queres todo este sofrimento,
não o adore,não o siga
e assim seja, que ele é o único;
o herói da onde vem a liberdade.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Perdeu o seu amor?

Menospreza a paciência dos amados
e aflige suas enamoradas;
falai bestas e ganâncias para si.
E gritas e catais:-fique enforcado!-

Que seja eterno e a distancia,
esqueça enquanto a tempo!
para sofrer e hibernar
como urso em sua caverna
no escuro,sem seu mel
rangendo seus dentes;

E sabendo que perdeu.
Viva,porque não há coisa mais linda
que nascer,sorrir,sofrer
e sozinho ir pra,sabe-se lá onde
aonde o amanhã é inexistente.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Meu Pai é eterno

Paizinho do meu coração
fosse exemplo para o meu caminho.
Mesmo que de ti não lembro
suas lembranças em outros laços,
apertam o meu peito
e convivem comigo
desde a sua morte.

Um amigo que não tive,
daqueles anjos nas horas difíceis
Que me ensinaria a viver
E daria seu colo para chorar;

diria não para mim
e com seus conselhos de líder
seriamos uma super família.
Mas Paizinho,agradeço,
pela sua benção eterna.

terça-feira, 6 de julho de 2010

Pra ti

Ao mesmo tempo em que quero te ver feliz do meu lado
quero que estejas sempre com um sorriso no rosto
Independente do lugar que estiveres e com quem estiveres,
por mais que o meu sorriso vá se tornar apenas um esboço
daquilo que realmente queria
Acabaram-se os meus truques.
Tenho palavras lindas pra te falar, mas quando falo contigo
meu refugio é tentar te manter comigo
se quando falo sobre nós, não sai nada
Só não entendo por que é tão difícil desgrudar de ti
nunca consigo te esquecer de vez
alguma coisa em ti se liga a mim e é impossível de quebrar
Em três minutos posso falar o que tenho a dizer
e o que quero levaria a eternidade
Se a saudade bater vai ser difícil pra mim
mas não vou me prender tanto ao passado
seja em qual for o sentido
quero estar ao teu lado

E por conseqüência do que vou sentir
vai ter dias que não vou querer acordar
pra não pensar de novo em tudo isso
mas vai ter dias que não vou nem querer dormir
porque não vou ao menos lembrar do teu rosto
isso só o tempo ou o momento vai dizer
ou o coração talvez
Vai ter dias que vou acordar super bem
outros não tão legal
mas nao me leve a mal
vou te tratar apenas como um mais alguém
se for especial ou não, faça por merecer
Sinceramente, nao espere mais nada de mim,
a partir de agora vou fazer apenas o preciso
me conheces, esse é meu jeito e vai ter que ser assim

Como dizia cazuza
Mαs nuncα lhe digα αdeus
Que αdeus é tempo demαis

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Dos pés a cabeça, de dentro pra fora

Esconde a mão de pele suave
com sua luva de boxe
pra tentar ficar na linha, pra não perder a razão
pra disfarçar a camisola de coração
Por fora é crua, rude e persistente
por dentro é pura amargura, a dor que sente
A meia suja de andar sem sapato, rasgou
a feriu, os calos apareceram faz um bom tempo
por isso não se aproxima de quem está ao seu lado
algum sentimento a atropelou ou a fez de passatempo
A blusa aberta pra mostrar e se vender
a sedução, onde não há mais amor
cansada de tragédias, emoção e guerras
é por isso que lá no fundo tenta se esconder
O esmalte, ou o que sobrou dele
demonstra o cuidado que havia
e que hoje se torna menosprezo
ela já não se preza, vive na rebeldia
O cabelo não penteado
jogado pro lado, é resultado da crítica da humanidade
que trouxe consigo o desprezo
de uma pobre menina que tentava amar com ingenuidade
Só não largou o salto alto
porque sabe que ainda está no topo
só não do jeito que muitos esperavam a encontrar
com as mãos frias e o coração oco

domingo, 4 de julho de 2010

Uma grande amizade


Sei que quero cantar você
Ser seu amigo daqueles de infância
Que sorri das mesmas coisas
e ve o mundo diferente.
Gosto do seu jeito;
louquinha e meiga como um anjo,
Que me leva para o inferno
com meus pensamentos tentadores
Mas não consigo cantar-te
a não ser por palavras escritas
as que não faço melhor
e só assim sou eu
espelhando meus pensamentos sinceros por você.
Sinto por não poder tê-la,
mas tenho outro amor.
seja assim que meu destino
só te conheceu agora.
Então fale para mim:
-tu tais louco?-
Só que digo que agora
eu tenho uma inspiração.

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Eu te amo

Simples e fácil de dizer
por pura subjetividade
fundadas com um único objetivo;
te trazer felicidade

Só quando se sente
quando a gente ama e quer por perto
usa essas palavras como corda
para amarrar, fazer um nó cego

para que a pessoa nunca mais se distancie
que fique apreciando carinhosamente
aquilo que te deixa bem ao dizer;
eu te amo completamente

sentimento que nos leva a tolice
nos deixa bobo, sem saber o que fazer
com a razão quilômetros de distancia do coração
uma única estrada sem fim levando ao entender

e sem entender nada
quando se tem o amor, nada precisa explicar
basta sentir o que a vida proporciona a cada um
sem mediantes, um coração não pode parar

apague todas as luzes que te incomodam
mas não fique na escuridão
porque embora a vida não seja um conto de fadas,
o final pode sim ser feliz e sem solidão

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Variável constante

Quando disse que te amava
foi sincero, porém tão pouco singelo
Foi engano pensar em amor.
Joguei fora todas as expectativas e fraudes
Talvez fosse uma atração incontrolável
um desejo do que é bom, da malicia e do conforto que me trazias
mas passou a ser algo apenas desejável.
Agora fazes de conta que nunca foi puro e real o que tivemos
não sei se foi tudo tão admirável a olho nu,
ainda restam questões não respondidas quanto a isso.
Passei noites sem dormir e chorei por saudades
já não sei o que isso significa pra mim.
O tempo me trouxe incertezas
mascarei por muito tempo o que não queria te dizer
Confundi amor próprio com paixão
pensei que sentia necessidade
hoje vejo que era tudo ilusão
Deixo velar esse sentimento aqui dentro de mim
tão calmo, que já nem faz diferença.
Digo e não nego
que tem dias que não dá pra esconder que te desejo
mas descanso o coração e encaro
tudo volta a ser um passado aventureiro
e o futuro toma posse de todos os pensamentos otimistas.
Eu tenho saudades de quem pensei que foste,
ou que iria se tornar
mas acho que meu amor não bastou.
Encontro-me em total desencanto e ingratidão
Escondi tão bem dentro de mim esse amor
que agora não consigo achá-lo
e cansei de procurar.
Sinto dizer, mas acabas de perder quem supostamente
te amou mais que tudo, de inigualável jeito
quem cansou de sofrer e quem era tola a acreditar que o amor
conseguia transformar qualquer pessoa.

sábado, 12 de junho de 2010

Obrigada por existir!

Obrigada por ter seguido comigo
Obrigada por toda verdade
por me abraçar e os sorrisos,
obrigada pela sinceridade

Obrigada por brigar comigo
Por estar presente nos meus ataques
e permanecer quando não os tenho
Obrigada pelos minutos e horas... E pelos baques

Obrigada por ser insuportável quando é preciso
por me fazer amar
Por ser sensível e agradável
Obrigada por me fazer chorar

Obrigada por me perdoar
Por cuidar de mim
ou por pedir perdão e ser perdoado
por não ter guardado os momentos ruins

Obrigada pelo ódio
pela calma e pelo amor
obrigada pela intensidade e a impaciência
obrigada pela alegria e pela dor

Obrigada pelos detalhes
pelas brincadeiras e pelo encanto
pelo desejo e pela posse
obrigada por ser meu recanto

Obrigada pelos melhores momentos da minha vida
Por me fazer admitir, dividir, cumprir
por fazer da vida uma maravilha ou um lixo
Obrigada por existir!

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Quando você ama alguém

Se você não vai
não desvie minha atenção
deixa eu te amar em paz
se for impossível, abra uma exceção

Eu mudei por você
e você quer se mudar de mim
Se é esse seu medo
não tenho a pretensão de sumir

Do teu lado vou estar
mas teu jeito certamente vai me impedir
Mil vezes já tentei te conquistar
e todo dia vou conseguir

Não desisto do amor
eu não nego
vou até o fim, eu sou assim
quando eu amo, me entrego

Aprecie minha dedicação
ainda há tempo pra perceber
que demência maior seria deixar escapar
e aceitar viver sem ter você

Só estou tentando disfarçar a magoa,
não me importo em parecer tolo
só estou tentando dizer que te amo
porque cansei do seu consolo

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Recicle seu coração

Não desperdice água
não chore em vão

Lugar de lixo?
jogue fora qualquer tipo de frustração

Economize energia...
não corra atrás sem motivação

Reaproveite...
use lembranças para uma nova ação

Tenha um mundo melhor
e seja saudável do coração

E o passado sujo e contaminado...
apenas mais uma recordação.

sábado, 5 de junho de 2010

Gato & Sapato

Quer me fazer de gato e sapato
e mesmo assim eu não ligo
vai embora quando bem entende
e me deixa de coração partido

E os pedaços do coração
ainda continuam te amando
porque o que é fácil não me agrada
vem, continua me maltratando

Porque eu sei que no fundo
você me quer mais do que eu te quero
fico queimando de raiva
mas mesmo assim eu te espero

Cai nos meus braços
que eu te aperto até esmagar
faço carinho de leve
eu não deixo de te amar

É assim que eu te amo
te xingando por amor
te fazendo sorrir e chorar
na alegria e na dor

Carbonizado amor

Escrevi com tinta sangue
a caneta preta carbonizada
simples de acender como fogo
mais quente que água gelada

Esse amor é fogo mesmo.

Preparei com calor
essa queima de angustia
pra liberar não só carbono,
mas a minha dúvida

Te aqueci e te soltei na fumaça
qualquer um por ti pode se asfixiar agora
sorte daquele que possui máscara
sorte daquele que a ignora

Aprenda a queimar fracassos.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Em questão de silêncio

Você me perguntou as horas
e eu te ensinei a hora de agir
você soube a hora de partir sem se despedir

você me perguntou se estava tudo bem
e eu te dei tranqüilidade e paz
e mesmo assim você não voltou mais

você me perguntou se te beijaria
te beijei mais do que podia
e mesmo assim você disse que partiria

sem mim
te perguntei como ficaria
sempre em silêncio, você nada me respondia

e então tomei conta
eu fiz de tudo e não foi suficiente
a minha parte foi completa
fique com as lágrimas e o silêncio
porque o meu sorriso é permanente

sábado, 17 de abril de 2010

Um anjinho armado



Ela é a certinha
que segue princípios errados
É a diabinha
que na porta do céu deixou o recado

o anjinho armado
que gosta do escondido e do bom
mas o mal é seu aliado
e pra isso tem o dom

de te absorver o fogo
transparecer sua maldade
mas só segue seu jogo
e te deixa na vontade

arrisca ser fiel e domável
mas joga tudo pro alto quando vê uma distração
no fundo é só mais uma miserável
que se rende a rebelião

faz do passatempo e do dia nublado
o melhor dia de sua vida
não liga pro passado
porque esquece tudo com a bebida

que atiça dentro de ti o que não cobre
de amor pode esquecer
sua satisfação a encobre
ela é o que gosta de ser

mas no seu interior habita o sofrimento
que só quer esconder a grande ferida
e pra isso sente necessidade de esquecer o sentimento
pra não pensar em ser uma homicida

pra não se dar por vencida
tenta, mas não consegue se localizar
se sente só, se sente perdida
ela só quer o coração descansar

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Se você quiser..

Posso ser teu ombro esquerdo
posso ser teu amuleto
ou teu braço direito
guardar os teus segredos

Posso te dar carinho
posso te dar amor
te fazer abrir sorrisos, mas
vou estar ao teu lado quando chorares for

Porque a maior alegria que um amigo pode dar
é a felicidade e a segurança
de poder estar com quem se ama
e viver feliz, como vive uma criança

Posso perdoar teus deslizes
ao fundo do poço vou te amparar na queda
teria coragem de cair contigo
de um amigo é tudo que se espera

Te cobrirei nas noites frias
velarei teus sonhos coloridos
estarei contigo nas noites mais horríveis
e nos dias mais lindos

Posso ser teu anjo ou teu demônio
teu cúmplice e teu irmão
vou ser teu tesouro
vou doar pra ti meu coração

domingo, 11 de abril de 2010

Cúmplice do sol

Eu te amo
mas eu preciso ir
entenda que estou na pior
sem querer compreender
eu estava admitindo sem assumir

tenho que te deixar livre
mas não queria era te ver distante
te sentir aqui pertinho me fazia tão bem
na rapidez com que tudo mudou
me abafaste, agonizante


tua falta de amor me pregou na parede
tuas palavras me deixaram aflita
me deixaram com medo de seguir adiante
mesmo com todo sofrimento
deixo esta carta escrita

dizendo que foi tão bom
mas não agüentava mais ficar em tuas mãos
meu coração bateu mais forte
e não quis mais sorrir
enquanto me tornava em prontidão

mesmo querendo ficar
não sabia por onde andavas
sem saber o que estava fazendo
o que deveria fazer
dentro de mim não sabia onde estavas

parte de mim adorava isso
a outra parte me mandava embora
roubaste o que eu tinha de melhor,
tomaste meu brilho
mas tenho um sol dentro de mim agora

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Quer tomar um drink?


Eu vou contar
uma história de amor vou declamar
Eu sei que é sigiloso
mas escapou entre meus dedos
algumas coisas o destino se encarrega de ajeitar
Coisas que só acontecem comigo
um dia teu coração vai se juntar ao meu
há sempre um novo caminho a andar
Um novo amor pra se viver
já quis entender as evidencias que me enganaram
não nega o sol brilhar
Não tive como resistir
acho que nasceste do mesmo jeito que eu
vamos ficar bem, pare de teimar
Eu, tu, o álcool e a poesia
aproximando o tempo distante
pra duas magoas poder consolar
Maquiagem borrada
mas na boca um sorriso
iluminava a vida no luar
Se amanhã não tiver drink
minhas magoas contigo não poderei afogar
Mas não deixe de sorrir
ninguém poderá fazer isso por ti,
agora compre mais gelo pra no uísque colocar.

sexta-feira, 19 de março de 2010

Agradeço aos céus


Só peço a Deus
que de todos meus amores
não se vá nenhum, que por eles
eu agüentaria qualquer das dores

Só peço a Deus
que perto de mim deixe os bons e amados
longe de mim deixe os impecáveis e intocáveis
aqueles que não aprendem que jogaria fora todos os reinados

Que tem e levam sangue quente
aqueles que por todos gostariam
que convivem de paixão
Mas nem Por todos amariam

Só peço a Deus
aqui pertinho de mim meus fieis de isolamento
que das verdades faladas restam só das encaradas
a sinceridade de uma magoa livre de ressentimento

Que pra completar todo meu dia
não me vendem um sorriso amarelo
tragam-me junto com sua mãos,
e para juntos formar um elo

Peço e agradeço sim
a Deus aqueles que estão do meu lado
uns nem tanto, outros agarrados
agradeço por ser tão amado

quinta-feira, 18 de março de 2010

A luz da liberdade

Não especifico nomes
não dou a todos o direito de beijar minhas mãos
afinal, não sei nem quem sou
não vou saber quem são meus irmãos

Nada vai estar bem
enquanto eu não souber brincar, ser feliz
já tive tantas tentativas sem sucesso
o fracasso veio primeiro, quebrei muito o nariz

Costumo dizer
que felicidade é o estado do espírito
ta todo mundo cansado de saber
que amor e felicidade tem um vínculo

As vezes acho que ninguém me vê na multidão
sem lugar pra sentar ou escorar,
com quinhentas pessoas ao seu redor
mas sozinho você está

Gosto de ver o pássaro voar
como gosto de me sentir livre pra poder sonhar
não digo apenas o amor sincero de companheiro
pai, mãe, irmão, pessoas quem te fazem amar

Derramar lagrimas, talvez a melhor solução
depressão é exagero ao falar o mudo
- Escolha apenas um!
Mas eu escolho de tudo

Quem é essa pessoa do seu lado?
Que forma eu a trato? Merecedora?
Quem não me dá assistência
que tipo de assistência eu quero? Ameaçadora!

Minha fisionomia já não tão aberta
rugas de tanto procurar obstáculos pra pular
minha tosse parece ser de Q.I
me alimento de um só olhar

A semelhança pálida
que reflete do seu rosto, no meu
pra mim são todos iguais
confio no meu taco, não no seu

Em busca sempre do melhor
se sonho é uma descarga da alma oscilada
vou atrás da minha fortuna
mas sem sinceridade, não tenho nada

Estar junto á alguém
da qual sem desconfiança permaneça
é a mesma coisa que achar a chave da porta do céu
e só poder abrir a gaveta

Nem sempre tive amor pra dar
Só pra vender
Algo ambicioso mora dentro de mim
dos dois lados, qual você acha que deve vencer?

Não me comprometa
erros geralmente são aceitáveis
quando a vítima dá valor ao perdão
e pra reconciliar são vulneráveis

Ao acordar, a luz da lâmpada quase me cega
-abra o olho. Acordo de verdade
Descubro o que é, está me chamando
é o vigor da liberdade

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Que Leves contigo tudo que fizestes

nunca me deixaste te amar
nunca me deixaste me entregar
agora que chegou ao fim resta à dúvida
um ponto de interrogação
inacabado ao terminar

mas que dúvida?
se a questão já foi encerrada
de um ponto a outro da ultima frase
eu te digo que li as entrelinhas
e entre linhas fiquei acabada

gritei socorro, chorei
ninguém podia me ajudar
tentei correr, mas não sabia pra onde
tentei me esconder, não sabia onde
do coração tentaste me matar

não quero te desapontar,
não sei se isso farias também
mas todos sempre acham outra pessoa
que lhe mereça verdadeiramente, talvez por um tempo
nosso coração não pertence à um só alguém

e quando eu estive aí
aí do teu lado te fazendo sorrir
não soubeste dar teu amor, e me sorrir de volta
e não há nada melhor que amores cruzados
não foi a primeira vez que me decepcionei ao partir

da forma mais simples e singela
à forma mais complicada e embaraçosa
não soubeste contornar, não soubeste me amar
podias ter sido uma pessoa melhor
livre de rancores, menos medrosa

sempre quis saber o quanto me amavas
mas nunca te disse mesmo o quanto te queria
a carta que nunca te entreguei
as poesias feitas pra ti hoje já não serviriam
o meu próprio medo de te agradar me conduzia

cada um sabe o que é bom e o melhor
mas um minuto pra pensar não te custa
sofrer tanto e mentir pra si não vai resolver
acabar o que poderia ter sido a nosso favor
te deixa numa situação não muito justa

mas não precisa dizer que vais voltar
porque já vi realmente o que queres de mim
ainda habitas meus pensamentos
só não quero mais viver algo que não me faz bem
que as tuas atitudes deram o fim

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Meu jeito de amar

Dormindo mais uma vez tive ilusões noturnas
resolvi então escrever verdades e mentiras
não sei a qual cabe lembrar
mas ambas foram vividas

lembrei de quando te vi pela primeira vez
foi difícil controlar o olhar
...você notava,
meus olhos chegavam a brilhar

desculpe se foi engano
pensei que podia entregar pra ti meu coração
não sei se era vontade de ter alguém
ou se foi a tal lei da atração

não faz de conta que nada é nada
é ruim ter um amor que não te merece
ter que fingir-se de forte
passar e fingir que não conhece

ter saudade e deixar em quieto
ter desejos e não poder desejá-la
não sei por que esconder seu rosto
se minha boca quer beijá-la

talvez meu jeito também não seja dos melhores
talvez meu amor não seja perfeito
mas eu só queria te amar
queria te amar do meu jeito

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Flores suas não quero mais



Já esqueci a idéia
de que você vai me trazer flores
no meu próprio jardim plantei as minhas
nasceu planta, nasceu também amores

Me sentindo forte e
já sem sua dependência
me sinto segura de novo
de onde tinha tirado tanta paciência?

Durante todo o tempo
a falsidade que nas entrelinhas permanecia
mentiras de atos não tão singelos
sorrisos forjados, acontecia

A traição que ficou já pra trás
nunca vai tirar a dúvida que tenho
se valeu a pena esse tempo feliz
pra depois chorar tanto em receio

Em pequenos detalhes
se nota de que você não é feito de pedra
mas também não é de açúcar, dei a volta
e o arrependimento em mim não se apega

Te amei demais pra pouca compreensão
gostaria que fosse diferente, mas você não permitiu
tenta entender que te dei meu coração
mas quero ele de volta, porque você o partiu

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Maldita indecisão que te consome



De que adianta negar o coração?
De que adianta querer dar um beijo
e dizer um não
de que te adianta?

É o teu olhar,
O teu jeito de falar e sorrir
que me faz pensar
é um momento oportuno, nao vou largar

O sentimento deixou de ser suave
preso dentro de ti
pra mais ninguém se abre
inclusive pra mim

E não adianta dizer
que ta tentando esquecer de vez
porque quando foi assim, a gente quis
quando a gente para, a gente já fez

Pra que prender essa vontade?
Diz-me o motivo
pra evitar o desejo e ser do seu jeito
demorou pra estar contigo

Pra que iludir outra pessoa
se no fundo, sempre penso em ti
não adianta negar o pensamento
pois sempre volta e pára ali

Essa tua positividade irônica,
em saber me causa estresse
que pro seu coração não dá ouvidos
ao seu coração não obedece

Entenda que nem todo mundo é igual
que ninguém pensa como ninguém
que nem todos vêem isso como um mal
eles só querem falar de alguém


Se entenderes o que teu pensamento diz
me diz
Se entenderes o que teu coração diz,
foi o que eu fiz

Basta querer
me diz
que eu sei fazer
do jeitinho que você sempre quis

Pára de teimosia
dê fatos aos fatos
pra ser motivo da minha alegria
não preciso dos falsos atos

Pondo o negativo de costas,
se foi só uma aventura...
Por que não se aventurar mais?
Ta virando tortura

Alguém sempre vai embora
alguns nem tendem a chegar
outros quando se vão, chora
mas todos tendem a magoar

Quem espera sempre alcança
mas também quem espera demais
de algum jeito sempre cansa
então me diz... Já vais?

No teu quarto


Estou na tua cama
encostada no teu travesseiro
esperando pela tua vontade
esperando alguém dormir
pra poder te dar um beijo

O som da TV não me incomoda
mas desligue-a agora
só quero ouvir tua voz
quero ouvir tua respiração ofegante
dizendo que me ama e que essa é a hora

Vem pra baixo do cobertor
vou te fazer a pessoa mais feliz do planeta
apaga a luz e vem brincar de amor
minha mão já está suando
não me faça desfeita

Não tema
nessa escuridão não dá nem pra ver teu medo
imagino teus olhos, olhando dentro dos meus
feche-os, venha mais perto de mim
se isso for errado, eu não temo

Se tudo que faço é pensando em ti
por que deveria temer?
O errado não intimida minha vontade
essa sede impulsiona pro teu lado
é a mesma fome de querer te morder

Levante-se que já vou partir
já é tarde, tenho que ir embora
a partir de hoje teu segredo é meu segredo
sou o padre da sua confissão
sou seu diário agora

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010


Eu, minha sombra e o vento

Caminhando na praia
seguindo os passos de quem já dormiu ali
seguindo os mesmos passos
de quando já não conseguia dormir

a solução da minha solidão
meu isolamento
olhar o mar
jogar as frustrações ao vento

os riscos da maré
as marcas do vento no mar
as ondas que não se quebraram
o redemoinho a girar

as tantas marcas de pés
cada um para um destino diferente
caminho eu e minha sombra
porque minha sombra não mente

quem posso confiar
pra caminhar ao meu lado
apenas a sombra
tudo é arriscado

Deus não caminha comigo
eu caminho com ele
na minha frente ele vai
vou acompanhando os passos dele

E o vento bate na minha cara
traz como sempre nenhuma palavra
minha conversa interna
meu silencio se propaga

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Seja sempre você mesmo, mesmo que seja o mesmo sempre

Alguns vão rir
outros exclamar, interrogar
mas todos tende a se conformar
que ser você mesmo é o que há

Pode pensar o que quiser
independente disso vamos mais além
mudar vou só se for para o meu bem
se quiser, adapte-se também

Digam o que quiser dizer
nada importa no mundo
onde reconhecem que todo mundo
é realmente igual a todo mundo

Se no macaco quanto mais feio for
mais macaco é
o homem não precisa ser ralé
mas pode ser o que é

Dependente de como for agir
está na hora de pensar
o que podemos fazer pra melhorar
e igualdade filtrar

Ninguém vai fazer nada por você
então procure aprender
ninguém vive sua vida por você
como se faz pra viver

Tente fazer diferença
mas faça diferente
se não tiver como, invente
pelo menos tente

Chega de repetir
saia da rotina e faça o que quiser
pra mudar o humor
o que der na telha, o que vier