Pesquisar este blog

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Quer tomar um drink?


Eu vou contar
uma história de amor vou declamar
Eu sei que é sigiloso
mas escapou entre meus dedos
algumas coisas o destino se encarrega de ajeitar
Coisas que só acontecem comigo
um dia teu coração vai se juntar ao meu
há sempre um novo caminho a andar
Um novo amor pra se viver
já quis entender as evidencias que me enganaram
não nega o sol brilhar
Não tive como resistir
acho que nasceste do mesmo jeito que eu
vamos ficar bem, pare de teimar
Eu, tu, o álcool e a poesia
aproximando o tempo distante
pra duas magoas poder consolar
Maquiagem borrada
mas na boca um sorriso
iluminava a vida no luar
Se amanhã não tiver drink
minhas magoas contigo não poderei afogar
Mas não deixe de sorrir
ninguém poderá fazer isso por ti,
agora compre mais gelo pra no uísque colocar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário